Suas expectativas não lhe decepcionam… Você decepciona a si mesmo!

mmda1 Hoje em dia muito se fala sobre expectativas. Vivemos em uma época onde muitos falam que não as tem. Pior: falam como se fosse uma grande vantagem. Digo e repito: mantenho minhas expectativas altas.

Se eu me decepciono? É claro, o tempo inteiro. Mas não são as minhas expectativas que me decepcionam e sim a forma como eu mesmo lido com elas. Não espero mais do que a vida pode me dar, mais do que posso conseguir extrair dela. Pode imaginar um mundo sem expectativas? “Tudo está bom do jeito que está” e quando vemos passamos a vida inteira encarando as paredes de nossos quartos.

E sim, ao manter certas expectativas você quebra a cara e perde a cabeça de vez em quando, mas e daí? Não vivemos em uma bolha que nos protege do mundo exterior. Lembre-se: se a infelicidade não puder lhe alcançar, tampouco a felicidade o alcançará. Ah, Deus! Perdoe as almas que desejam viver sem expectativas. Perdoa aqueles que não anseiam por nada mais em seu coração do que aquilo que lhes é dado! Perdoa aqueles que não desejam na totalidade, que não fantasiam mais do que deveriam. Perdoa aqueles que não esperam nada.

Crie expectativas! Crie-as mesmo, da maneira mais fantasiosa que puder, com uma pitada de realismo para dar sabor. Decepcione-se, quebre a cara e volte a ter expectativas ainda mais altas. A vida não é para aqueles que abaixam a cabeça quando as coisas dão errado, é para aqueles que levantam a cabeça até o pescoço doer e repetem para si mesmos: “EU MEREÇO MAIS”

Anúncios

ComentAnderson

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s