Reclamar ou fazer algo a respeito?

Ouvia o soar da água dos chafarizes da Praça Osório quando alguns ruídos começaram a dispersar minha atenção. Quando menos vi, tinha sido trazido para o momento presente. Próximos de mim estavam dois casais, que conversavam sobre uma pequena lata de RedBull que estava boiando nas águas do chafariz. Amaldiçoavam quem quer que tivesse jogado... Continue lendo →

Anúncios

Nem sempre precisamos de um ponto final

Eu conheci essa garota e as coisas realmente aconteceram. Eu mostrei à ela cicatrizes que eu nunca tinha mostrado para ninguém e ela fez o mesmo. Passávamos a noite juntos e achávamos que tudo o que tínhamos conversado madrugada adentro de alguma forma inexplicável poderia mudar o mundo lá fora. Quando saíamos respirávamos profundamente juntos e... Continue lendo →

Salvem os loucos!

Parando pra pensar, a loucura está em extinção. Sim, todos nós temos um parafuso solto, mas parece que resolvemos nos adaptar à uma normalidade imaginária, entupindo a nossa própria existência com rótulos e definições. É a sanidade que tanto procuramos que nos amaldiçoa e jamais nos acolherá como filhos.O berço do ser humano é a loucura.... Continue lendo →

Você sempre vai ter uma desculpa

Eu tenho uma má notícia para você: ninguém está tramando contra você e você não tem nenhum inimigo além de seu próprio ego. O que você pretendia fazer no dia de hoje ontem quando deitou seus cabelos sobre o travesseiro? Talvez você tivesse algo importante pra fazer ou até mesmo uma lista cheia de tarefas.... Continue lendo →

Você não está no controle

Nós não controlamos a cor do céu. Não controlamos quando ele irá se abrir e a chuva virá para lavar nossos corpos e almas. Nós não controlamos a terra. Não controlamos o momento em que seremos engolidos por ela. Não controlamos o que acontece quando uma semente cai num fértil pedacinho do solo e o... Continue lendo →

Eu me lembro…

Eu costumava ter que ir embora, por algum lugar entre os lençóis. Costumava apanhar as roupas no chão e vesti-las silenciosamente enquanto arrastava vagarosamente meus pés em direção à porta. Qualquer ruído era meu inimigo. Qualquer ruído indicava que eu estava tentando fugir. E na calada da noite eu caminhava procurando por algo, talvez por... Continue lendo →

ELA

Quando eu estava com ela eu queria ter todo o resto e uma vez que eu consegui tudo que eu queria eu vi que tudo em que eu conseguia pensar era ela. Me envergonho em pensar em como seria estar com outras mulheres quando eu estava lá. Quero dizer... Todas as mulheres são fascinantes, complexas e... Continue lendo →

Iria cair, mas o céu me segurou

Por tantas vezes eu já pensei em desistir. Fico me perguntando o que aconteceria se eu de fato o fizesse... Gostaria de saber o que aconteceria se eu simplesmente me jogasse no chão e perdesse completamente o ímpeto e o vigor da existência. Eu morreria por simplesmente ter desistido ou eu viveria uma vida de... Continue lendo →

Blog no WordPress.com.

Acima ↑