Meu bem, eu sou só um anjo… Cujas asas caíram

32323234

O texto abaixo foi escrito em algum momento na madrugada de hoje e eu estava completamente bêbado. Já conhecem a minha regra: sou contra revisar ou corrigir quaisquer erros que tenham acontecido mediante a forte emoção. Anyway, espero que não tenha errado muito e que tirem bom proveito disso:

Meu bem, eu sou só um anjo… Cujas asas caíram.

Mas estou no meu caminho, entende? Tento me aconchegar no seu coração, mas tu me expulsas. Me aconchego então em teu corpo quente, mas de que vale se não há um coração para fazer companhia ao meu? Lembre-se: sou um anjo caído, mas ainda tenho um coração. Não procuro o paraíso em ti. Lar, doce lar… É o que procurei… E sabe muito bem, meu amor… Antes de ser um anjo sem asas ou um escritor que não escreve, sou um sonhador.

Ah, e minhas asas? Vistes por onde elas caíram? Talvez eu as tenha derrubado quando tropecei no meu orgulho ou talvez até mesmo quando tropecei no teu. Lembro que elas estavam bem aqui, mas onde estão agora? Escondeste-as de mim? Se as escondeu, onde diabos foi que as colocou? Pois quando olho para teus olhos, vejo-as. Quando olho para teus olhos, vejo a passagem para o paraíso. E naquele paraíso tudo o que eu tenho para fazer é olhar em teus olhos. Parece o bastante para mim.

Lar, doce lar. Paraíso, doce paraíso.

A parte triste é que continuarei em meu caminho procurando por minhas asas caídas, ainda que eu não tenha teus olhos para olhar. Eu sou só uma alma que precisa de suas asas de volta. Ou talvez tudo o que eu precise fazer é olhar em teus olhos por mais um segundo. Lhe asseguro que guardarei esse olhar para a eternidade, mas nunca lhe falarei isso… Afinal, de que servem nossas palavras? Ouvi muitas ao longo da vida e a maior parte delas não tinha significado algum. Nenhuma palavra que me foi dita me deu minhas asas de volta.

Voarei, ainda que sem asas. Pensarei em alguma engenhoca ou simplesmente pularei de algum penhasco. Realmente faz diferença quanto tempo posso durar no ar? Mesmo com minhas asas não conseguia voar por muito tempo… Só voava até encontrar o paraíso, que mais tarde se transformaria em inferno. Todos os paraísos se transformam em infernos quando paramos de bater nossas asas, não é mesmo?

E se minhas asas não estão aqui eu devo correr. E correrei para os lugares certos e errados que foram colocados sobre nossa terra. A culpa não é de minhas pernas, a culpa não é das minhas asas…. Apenas acho que meu destino é procurar pelo paraíso. Veja bem, sou só um anjo sem asas. Você viu minhas asas por aí? Talvez eu as tenha perdido enquanto estava mergulhado no pecado e no vinho. E pode acreditar que houve muito vinho e pecado. Lembro que pensava que toda noite seria a última noite, mas quando a manhã chegava o vinho e o pecado ainda estavam lá, como se dissessem: “Vamos dar um mergulho?”.

Mas olhe ali. Olhe lá para cima. Está vendo os céus? Eu vim dali, antes de esquecer minhas asas em algum lugar.

Mas, afinal de contas… Talvez seja por uma boa causa, não é mesmo? Talvez se eu não tivesse perdido minhas asas eu não teria olhado em teus olhos. E eu quebraria minhas asas mil e uma vezes só para olhar em teus olhos.

Fosse por um segundo.

Fosse para toda a eternidade.

Ou talvez minhas asas fossem falsas. Talvez eu as tenha inventado. Talvez tenha inventado também o paraíso, só pra ter uma desculpa para olhar em teus olhos mais um pouco.

Se gostou do texto não deixe de curtir nossa página no Facebook. É só clicar aqui e deixar seu like 🙂

Anúncios

Um comentário sobre “Meu bem, eu sou só um anjo… Cujas asas caíram

  1. Eu vi suas asas por aí. Você não derrubou, você jogou fora mesmo. Mas estão quebradas – impossível consertar.
    De qualquer modo, você não precisa delas pra voar… ninguém precisa.

ComentAnderson

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s