Que continuamos a dar risada de tudo (principalmente quando não tiver a menor graça)

que fiquemos juntos pra sempre

Que nossos lábios nunca se separem, mesmo que pareçam distantes. Que nossos corações os acompanhem. Que nos entrelacemos como se fossemos um só nas noites de frio. Que façamos o mesmo nas tardes de calor. Que continuamos a dar risada de tudo (principalmente quando não tiver a menor graça). Que continuemos permitindo que o amor prevaleça e desaprendamos a impor nele nossos limites.

Que continuemos a realizar nossas pequenas surpresas e que lembremos delas no dia em que elas não estiverem ali. Que sejamos capazes de enxergar as coisas mesmo quando elas não estão visíveis a olho nu. Que passemos a apreciar o simbolismo das pequenas coisas e dos pequenos gestos a cada dia que passar. Que cheguemos à conclusão que no fundo (bem no fundo) a vida é boa e que temos a obrigação de vivê-la. Que sejamos sãos para suportar a nossa própria loucura.

Que tenhamos uma boa pitada de ciúme, afinal, ninguém é perfeito.

Anúncios

ComentAnderson

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s